Consequências do Batismo com o Espírito Santo

July 20, 2015

 

Muitas pessoas sinceras têm se enganado redondamente com respeito ao batismo com o Espírito Santo. Pensam que por terem sido curadas, libertas ou agraciadas com algum milagre ou que pela sua oração, alguém alcançou a graça, é o suficiente para dizerem que foram seladas por Deus.

         Há outras que são ainda mais enganadas: aquela que tem falado em línguas estranhas. Ora, sabemos que nem todos os que falam em línguas estranhas são batizados no Espírito Santo. Por que? A verdade é que os demônios sempre procuram imitar as coisas de Deus, e o falar em outras línguas é muito fácil para ele, uma vez que já foram anjos. Daí, muitas pessoas que por alguma razão não foram libertas ainda do poder das trevas, são iludidas pelos espíritos enganadores que as tem feito pensar que suas línguas entranhas são de Deus. Mas, então, como podemos saber se somos ou não batizados com o Espírito Santo? É muito simples: basta examinar os frutos da vida da pessoa. São os frutos que determinam se a arvore é boa ou má.

Quando a pessoa é batizada no Espírito Santo, manifesta seus frutos, mas se não é, então jamais poderá manifestar os frutos do Espírito Santo!

“Mas o fruto do Espírito Santo é: amor, alegria, paz, longanimidade, benignidade, bondade, fidelidade, mansidão, domínio próprio” (Gálatas 5.22,23)

Se uma pessoa examina-se a si mesma e constatar que essas qualidades faltam ao seu caráter, então, ela pode ter a mais absoluta certeza de que o espírito que nela habita não é o de Deus!

É claro que a pessoa que foi batizada com o Espírito Santo, às vezes, devido às circunstâncias momentâneas, pode se aborrecer, se irritar, se entristecer ou coisa parecida. Mas isso não pode ser uma constante em sua vida, como tem acontecido com muitas pessoas que se dizem batizadas, mas que o seu semblante está sempre caído e triste, se aborrecem com as mínimas coisas, são temperamentais, enfim, dão péssimos testemunho da sua fé cristã.

Ora, o próprio Espírito de Deus vivendo em nós não permite que a tristeza seja permanente, porque Ele mesmo se incumbe de consolar e confortar, fazendo-nos ultrapassar os momentos difíceis.

A pessoa que uma vez é batizada no Espírito Santo produz frutos de arrependimento, é pacifica e cheia de amor, especialmente com aqueles que ainda não conhecem Jesus como Senhor e Salvador. Ela deixa fluir naturalmente do seu interior o caráter de Deus.

Please reload

Ouça diariamente pelas 23hs, a mensagem amiga do Bispo Macedo